Awesome Mix – Arctic Monkeys

Enfim amigos, após 5 anos nos cozinhando, os macacos do ártico anunciam a data da sua próxima obra! Tranquility Base Hotel & Casino chega em 11 de maio! Além do tempo de espera, mais coisas tornam o novo trabalho da banda britânica ainda mais aguardado, a Vinyl Digital, revendedora e distribuidora do novo álbum, disse na própria avaliação que TBH&C irá contar com inúmeras participações, além de ser “ousado e brilhante, que refletindo cada vez mais as amplas idéias criativas de Turner”, sendo um substituto à altura de AMmaior sucesso do grupo, lançado em 2013. 

Arctic_Monkeys_TBH&C

 

E para comemorar esta notícia tão boa, porque não relembrar os maiores sucessos dos caras? Então aumente o volume!

 

I Bet You Look Good On The Dancefloor

Carta de apresentação dos britânicos para o mundo da música mundial. O clipe foi febre na jazida MTV e com muita razão, a música é frenética e empolgante, com uma carga de grunge bem forte. O clipe tem uma característica muito legal, gravado com uma câmera mais antiga faz parecer a película velha, com uma pegada até de Sex Pistols.

 

 

When The Sun Goes Down

Mais um dos singles do incrível primeiro CD (Whatever People Say I Am, That’s What I’m Not) traz a mesma energia da música anterior aqui citada. Começando como se fosse uma baladinha “inofensiva” a música tem ritmo e uma mensagem forte sobre os perigos da vida noturna.

 

Fake Tales Of San Francisco

Última música do primeiro álbum (juro, ou não), Fake Tales traz mais a identidade que as pessoas que conheceram a banda por AM estão mais acostumadas. Mais “tranquila” que os outros dois singles citados, tendo aquela “batidinha” característica. Talvez pela temática da música, que trata de uma banda que busca se “americanizar” para parecer mais descolada, mas que acaba só passando por ridículo.

 

Brianstorm

Favorite Worst Nightmare, lançadoem 2007, consolidou o sucesso dos ingleses no mundo da música. Uma clara evolução do primeiro CD, que era algo mais bruto e sujo, com muitas raízes no grunge. Já neste segundo, fica bem evidente a maior “lapidação” do som, com instrumentos mais limpos e melodias mais coesas. A faixa de abertura traz todos esses elementos, algo que chama a atenção é o maior espaço dado para a voz de Turner, sendo um dos principais elementos à partir deste álbum.

505

Última faixa do disco e talvez a principal balada, poderia ser o ‘tiro no pé’ da banda. Muitos grupos que tem o som mais enérgico acabam se equivocando ao fazer uma balada, compondo algo repetitivo e “meloso” demais, algo que passa longe de “505″, só demonstrando o quanto os Arctic Monkeys conseguiram amadurecer (o que é constante na carreira deles) suas composições.

 

Dance little liar 

Humbug, o terceiro álbum, marcou uma época mais sóbria da banda. Com composições um pouco menos agitadas que os outros álbuns e fortes elementos de pop e alternativo. Dance little liar é um reflexo disso, trazendo menos peso para as guitarras e efeitos diferentes, sem falar da voz de Turner que se tornou mais limpa e melodiosa.

Brick By Brick 

Suck it and See manteve o espírito mais “baladeiro” da banda. Com composições mais melodiosas, deixando bem longe as raízes no grunge. Apesar do álbum em sua maioria trazer essas baladas, Brick By Brick regasta bem a essência rock’n’roll da banda, sendo bem dançante e enérgica. O quarto trabalho do grupo foi uma grande preparação para até então, sua masterpiece. 

 

R U Mine? 

AM veio para coroar a trajetória do grupo até então, o trabalho foi sucesso de crítica, tanto de especialistas quanto dos fãs, e não é para menos. O álbum é a mistura de todos os outros, riffs poderosos e com muito swing, letras avassaladoras e um ritmo sexy, fazem deste álbum o melhor da banda (na humilde opinião deste que vos escreve).

 

Do I Wanna Know? 

Não é difícil entender o porque do single ter virado hit. A música tem uma letra bem melodramática, que dizem as teorias, ser continuação de “R U Mine?”. Não demorou muito para se tornar hino dos que sofrem por alguém, mas vamos combinar, que “sofrência” boa não? 5 anos se passaram, mas a pergunta que não quer calar ainda é “Do you want me crawling back to you?”

 

Claro que existem ainda várias outras músicas sensacionais, mas seria impossível colocar em texto, mas vale a pena escutar a discografia da banda para aumentar ainda mais a expectativa para Tranquility Base Hotel & Casino! Sua música favorita deles não entrou na lista? Então comenta aí pra sabermos qual é! :D

Nerd: Leandro

Padawan de jornalista, 25 primaveras e acredita que todas as Tekpix são na verdade Decepticons à espera de uma ordem da Skynet para acabar conosco!

Share This Post On